fbpx

Green Future-AutoMagazine

O novo portal que leva até si artigos de opinião, crónicas, novidades e estreias do mundo da mobilidade sustentável

Mercedes-Benz apresenta o novo EQA totalmente elétrico

Novo Mercedes-Benz EQA

A Mercedes-Benz apresentou o novo EQA, o primeiro modelo compacto 100% elétrico da marca germânica. Com uma relação muito próxima ao GLA, o EQA estará disponível nos concessionários europeus na próxima primavera.

A primeira versão a ser introduzida no mercado é o EQA 250, que regista uma potência de 140 kW (190 cavalos), acelera dos 0 aos 100 km/h em 8,9 segundos e atinge uma velocidade máxima de 160 km/h. A bateria de iões de lítio de duplo deck tem uma capacidade de armazenamento de energia de 66,5 kWh, que confere a este EQA uma autonomia máxima de 426 quilómetros (ciclo WLTP).

O EQA apresenta um coeficiente aerodinâmico Cd de 0,28. A secção frontal A tem uma área de 2,47 m2, e características aerodinâmicas como o sistema de controlo do ar de arrefecimento totalmente fechado na secção superior, os para-choques aerodinamicamente eficientes, uma secção inferior do chassis regular e praticamente fechada, as jantes Aero otimizadas e os guarda-lamas das rodas dianteiras e traseiras especificamente adaptados têm por função a maximização da eficência.

A bomba de calor, parte do equipamento de série, está integrada no sistema de gestão térmica. Alguns detalhes inovadores, como a reutilização do calor residual da cadeia cinemática elétrica, permitem também aumentar a eficiência, para máxima autonomia.

O EQA por base a estrutura do GLA, adaptada para cumprir os requisitos de um modelo elétrico. A bateria está instalada numa estrutura construída através de um processo de extrusão, assumindo uma função estrutural que até agora era desempenhada pelas travessas na secção inferior do piso. Uma proteção da bateria na secção dianteira da mesma consegue evitar que a unidade de armazenamento da bateria seja perfurada por objetos estranhos.

A nível de design, este SUV compacto apresenta uma grelha do radiador fechada, de cor preta com a estrela central, referência da marca Mercedes-EQ. A faixa de luz contínua nas secções dianteira e traseira, e uma faixa horizontal de fibra ótica que liga as luzes diurnas dos faróis full-LED, são elementos que reforçam o caráter ‘elétrico’ do EQA., “um indicador do luxo progressivo da marca Mercede-EQ”, de acordo com a marca germânica.

Este novo 100% elétrico disponibiliza várias funcionalidades e sistemas de apoio à condução, com destaque para o ENERGIZING Comfort e o MBUX (Mercedes-Benz User Experience). Através deste último – um equipamento de série que pode ser configurado individualmente – ou da aplicação da Mercedes, os condutores podem programar a climatização do interior do veículo antes de cada viagem. O sistema é apresentado em dois ecrãs de 7 polegadas ou, em alternativa, de 10,25 polegadas, e conta com navegador, head-up display e o assistente de voz ‘Olá Mercedes’.

Uma outra funcionalidade do EQA é o Electric Intelligence (de série), um sistema que calcula o percurso mais rápido até ao destino. Com base em simulações contínuas da distância, este sistema considera possíveis paragens para o carregamento do veículo, assim como vários outros fatores, nomeadamente a topografia do percurso e a meteorologia. O sistema pode também reagir de forma dinâmica, por exemplo, às condições do trânsito ou do estilo de condução do condutor.

Com a utilização de um carregador de 11 kW, o EQA 250 recarrega a bateria em corrente alternada em 5 horas e 45 minutos. Com os carregamentos rápidos (corrente contínua), até 100 kW, o EQA carrega 80% da bateria em 30 minutos.

O novo SUV elétrico da Mercedes é fabricado em Rastatt, na Alemanha, e em Pequim, na China. Os sistemas de bateria do EQA são fornecidos pela Accumotive, subsidiária da maeca germânica. A fábrica de baterias em Jawor, na Polónia, irá também produzir sistemas de baterias para os modelos compactos da Mercedes-EQ.

Fonte: Mercedes-Benz

Show More